Guia pelos planetas de Rebel Moon, de Zack Snyder

Rebel Moon planetas

Zack Snyder está com uma nova grande franquia nas mãos, o épico intergaláctico Rebel Moon, inspirado em grandes clássicos como Star Wars e Star Trek. O universo mostrará diversos planetas e civilizações ao decorrer dos filmes e alguns desses planetas já tiveram artes conceituais e pequenas descrições reveladas. Confira um guia pelos planetas de Rebel Moon:

TOA

O planeta Toa é a capital do Império e considerado o Mundo Mãe. Reflexo de um universo dominado pelo Império há muito tempo, Toa reflete toda a brutalidade da franquia Rebel Moon. Apesar disso, também apresenta tecnologia e arquitetura avançada.

rebel moon

VELDT

Oposto visual de Toa, Veldt é uma pequena lua que orbita um grande planeta vermelho. Com visuais inspirados no Japão, o planeta é o lar da comunidade agrícola que está no centro dos conflitos de Rebel Moon. A pequena lua também abriga a cidade Providence, onde há um porto espacial e um bar que também serve como bordel na trama. A atmosfera de Veldt é repleta de campos verdejantes e plantações de trigo e transmite muita paz.

rebel moon

NEU WODI

Neu Wodi é onde Kora (Sofia Boutella) encontra Tarak (Staz Nair) em seus esforços para recrutar guerreiros para defender Vedlt. O planeta é em grande parte inspirado por influências do norte da África. A atmosfera do planeta é repleta de desertos e abriga algumas criaturas monstruosas.

rebel moon

POLLUX

Pollux tem um clima árido e apresenta os restos de uma antiga civilização, possuindo semelhanças visuais com Jedha de Rogue One: Uma História Star Wars. A protagonista Kora passa pelo planeta em busca de novos heróis contra o Império.

rebel moon

DAGGUS

O planeta possui um visual neon-noir que pode lembrar Blade Runner. Neste planeta tem a tecnologia em camadas, criando uma rede de diferentes esferas da sociedade que estão todas empilhadas umas sobre as outras. Daggus também é o lar de Harmada, uma híbrida alienígena humano-aranha interpretada por Jena Malone.

rebel moon

SHAROAN

Diferente dos demais planetas, Sharoan passa uma atmosfera muito espiritual e mística e é repleto de estátuas imensas semelhantes ao Buda. No decorrer da trama, a espiritualidade e harmonia do planeta entrarão em conflito com os interesses do Império.

rebel moon

GONDEVAL

Esse planeta não teve muitos detalhes revelados, mas passa uma atmosfera obscura e letal e possivelmente terá uma importância significativa na trama.

rebel moon

VANNA

Vanna é uma lua nas proximidades de Toa, o Mundo Mãe, e é chamada pelo império de Rebel Moon. Servindo de inspiração para toda a franquia, só aparecerá em Rebel Moon – Parte 2: A Marcadora de Cicatrizes, em 2024, enquanto os demais planetas, em “Rebel Moon – Parte 1: A Menina do Fogo. Com esse nome, Vanna obviamente terá um papel importante na história.

rebel moon

Com o subtítulo “A Menina do Fogo”, a primeira parte de Rebel Moon chega em 22 de dezembro deste ano, seguida por “A Marcadora de Cicatrizes”, em 19 de abril de 2024. Além disso, a franquia ganhará um jogo de RPG já confirmado.

Mais sobre Rebel Moon

Rebel Moon começa quando uma colônia pacífica à beira da galáxia é ameaçada pelos exércitos de um regente tirânico chamado Balisarius. O povo, desesperado por uma salvação, envia uma jovem misteriosa (Sofia Boutella) para procurar guerreiros de planetas vizinhos para ajudá-los na batalha.‎‎

Deixe uma resposta

%d