Publicidade - OTZAds

Brian Cox, de “Sucession”, defende J.K. Rowling: “Ela tem direito a ter sua opinião”

Brian Cox, de “Sucession”, defende J.K. Rowling: “Ela tem direito a ter sua opinião”

J.K. Rowling é a mente por trás de um dos maiores sucessos da literatura popular e também dos cinemas, a franquia Harry Potter. Entretanto, a autora também está no centro de algumas polêmicas envolvendo a comunidade LGBTQIA+, isso após se manifestar contra a maneira que pessoas transgênero são incluídas na sociedade. J.K. Rowling se considera conservadora, o que por sua vez gerou uma verdadeira guerra com os fãs de Harry Potter. Como consequência, a autora enfrenta, além de xingamentos nas redes, boicotes dentro da indústria e de outras esferas ligadas ao Mundo Bruxo. Para se ter uma ideia, o Quadribol, esporte do Mundo Bruxo que foi adaptado ao mundo real, mudou o nome para Quadball para se distanciar do nome de Rowling.

Por outro lado, há quem defenda o posicionamento ou o direito a posicionamento da autora. Em entrevista durante o programa Sunday With Laura Kuenssberg, o ator Brian Cox, de “Sucession” e “X-Men 2”, defendeu J.K. Rowling. Durante a conversa sobre a aprovação de um lei na Escócia que permite que pessoas transgêneros mudem de gênero sem a necessidade de diagnóstico médico, Cox comentou sobre as polêmicas em torno da escritora:

Publicidade - OTZAds

“Não gosto do jeito como ela [Rowling] vem sendo tratada, honestamente. Acho que ela tem direito a ter sua opinião, ela tem o direito de dizer como se sente. Como mulher, ela tem o direito de dizer o que sente sobre o próprio corpo, e não há ninguém melhor para dizer isso do que uma mulher.”

Brian Cox também disse que as pessoas são muito arrogantes com J.K. Rowling por conta de uma opinião diferente e, anteriormente, disse que as acusações de transfobia são “profundamente injustas”. Recentemente, a atriz Helena Bonham Carter, a Belatriz, também saiu em defesa de J.K. Rowling:

Publicidade - OTZAds

“É horrendo, muita porcaria. Eu acho que [Rowling] foi cercada. Foi levado ao extremo essa necessidade de julgamento das pessoas. Ela tem direito à sua opinião, particularmente se ela já sofreu abuso. Todos carregam consigo sua própria história de trauma e isso forma suas opiniões, e você tem que respeitar as motivações das pessoas e sua dor. Você não tem que aceitar nada, isso seria insano e chato. Ela não está tentando ser agressiva, ela está apenas dizendo algo que vem de sua experiência.”

Mas enfim, o que você tem a dizer sobre os posicionamentos de J.K. Rowling?

Animais Fantásticos| Eddie Redmayne nega conversas para uma sequência

As mudanças dentro da Warner Bros. Discovery afetaram grande parte das produções dos estúdios, incluindo a franquia Animais Fantásticos. O spin-off de Harry Potter ganhou três filmes, sendo o último Os Segredos de Dumbledore, de 2022. Apesar de faturar US$407 milhões nas bilheterias, o desempenho do filme ficou aquém do esperado, sendo o menor da…

Helena Bonham sai em defesa de J.K. Rowling e celebra vitória de Johnny Depp na Justiça

Nos livros e nos cinemas, a Saga Harry Potter é uma das mais famosas e queridas do mundo. Entretanto a mente por trás das histórias, J.K. Rowling, não carrega a mesma popularidade de seus personagens. Frequentemente a autora se envolve em polêmicas nas redes sociais, especialmente ligadas à comunidade LGBTQIA+, o que a tornou alvo…

Publicidade - OTZAds

Harry Potter 20 Anos| J.K. Rowling explica porque não participou do especial

Recentemente a franquia de filmes Harry Potter completou vinte anos e ganhou um especial para o HBO Max, intitulado Harry Potter: Retorno a Hogwarts. O programa de celebração contou com o retorno dos principais membros de seu elenco, incluindo o trio protagonista Daniel Radcliffe, Emma Watson e Rupert Grint, mas não trouxe a autora J.K.…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: