Publicidade - OTZAds

Lesões, depressão e assédio sexual; por que Brendan Fraser ficou afastado dos cinemas?

Lesões, depressão e assédio sexual; por que Brendan Fraser ficou afastado dos cinemas?

O astro Brendan Fraser voltou ao estrelado com sua brilhante atuação em The Whale, onde interpreta um homem gay com mais de 250 kg que luta para superar o luto e recuperar o relacionamento com sua filha. O filme recentemente foi exibido no Festival de Cinema de Veneza e Fraser foi ovacionado pela plateia, se emocionando muito com o reconhecimento. Mas afinal, por que Brendan ficou tanto tempo afastado dos holofotes de Hollywood? Descubra a seguir!

O Início

O primeiro trabalho de Brendan Fraser nos cinemas foi em 1992, especificamente no filme O Homem da Califórnia, onde interpretou um homem das cavernas que ficou séculos congelado e voltou à vida de repente frequentando o colegial. O longa não foi muito bem recebido pela crítica especializada, mas marcou a estreia de Fraser e ele chamou a atenção por sua beleza e carisma ainda assim. No mesmo ano, o ator provou que poderia ser um ator dramático também e estrelou o filme Código de Honra ao lado de Matt Damon. Em 1993, Brendan Fraser já era considerado a promessa do ano e estrelou os filmes “Com Mérito” e Os Cabeça-de-Vento, uma comédia pastelona ao lado de Adam Sandler. Tudo parecia ir bem na carreia do ator e melhoraria ainda mais nos anos seguintes.

Publicidade - OTZAds

A Ascensão

Foi em 1997 que Brendan Fraser ganhou projeção mundial e se tornou um dos homens mais desejados de Hollywood ao estrelar a comédia George, o Rei da Floresta, um live-action baseado na clássica animação que fez muito sucesso no Brasil e no mundo. Em 1998, o ator esteve em “Deuses e Monstros”, filme que levou o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado na época e no ano seguinte viria o auge. O filme A Múmia estreou em 1999, sendo o primeiro blockbuster da carreira de Fraser, e se tornando um grandioso sucesso nas bilheterias mundiais com sua mistura de ação, aventura e comédia. O sucesso do filme foi tão grande que muitos não se lembram que, no mesmo ano, Brendan esteve em dois fracassos, “De Volta para o Presente” e “Polícia Desmontada”. 2001 marcou a estreia de O Retorno da Múmia, filme que reforçou o sucesso de Brendan Fraser e lucrou ainda mais que o longa original.

Brendan Fraser em “A Múmia”

A Queda

Em meados de 2005, Brendan Fraser fez testes para estrelar o filme Superman: O Retorno, mas o papel acabou ficando com Brandon Routh e ele teria ficado sentido com isso e começava a demonstrar cansaço com a indústria cinematográfica. Ainda assim, o ator topou retornar em A Múmia: A Tumba do Imperador Dragão, filme que não chegou a ser um fracasso, mas denunciou o desgaste da franquia.

Mas o que realmente levou Brendan Fraser a se afastaram foram as polêmicas pessoais que estavam por vir. Primeiramente, o costume que o ator tinha em dispensar dublês e fazer praticamente todas as cenas de ação teve seu preço; Fraser precisou fazer cirurgias nos joelhos, costas e cordas vocais durante um desgastante período de sete anos. No meio de tudo isso, ele se divorciou de Afton Smith, com quem teve três filhos, e viu todo o caso ser explorado excessivamente na mídia, o que o levou à depressão somado à morte traumática de sua mãe, vítima de câncer.

As revelações

Além dos traumas que vieram a público na época de seu afastamento, Brendan Fraser revelou detalhes chocantes que contribuíram para seu desgaste físico e principalmente mental. Em 2018, quanto já retornava ao mercado, o ator revelou que foi vítima de assédio sexual em 2003 por parte Philip Berk, ex-presidente da Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA), responsável pelo Globo de Ouro, que negou todas as acusações:

“Sua mão esquerda se aproxima, me agarra na poupa da minha bunda e um de seus dedos toca no períneo. E começa a movê-lo”

O Retorno

Brendan retorna aos holofotes em 2015 e passa a dedicar sua carreira à televisão, passando por séries como “Texas sob Fogo” (2015), “The Affair” (2016-2017), “Trust” (2018), “Condor” (2018, “Titãs” (dublando Cliff Steele), “Patrulha do Destino” (2019) e “Professionals” (2019). O ator também estaria em Batgirl, filme no Universo Estendido da DC que acabou sendo cancelado pela nova gestão da Warner Bros. Discovery.

Publicidade - OTZAds

Além de The Whale, o ator está em mais três filmes em fase de pós-produção. “The Whale” estreia em dezembro nos cinemas.

Batgirl| Brendan Fraser fala sobre cancelamento e alfineta Warner: “Trabalhar com estúdios confiáveis”

O cancelamento de Batgirl em fase final de produção gerou uma péssima repercussão para a Warner Bros. Discovery nas redes sociais e causou revolta entre os membros envolvidos na produção para o Universo Estendido da DC. Agora, Brendan Fraser, que até então se mantinha em silêncio sobre a atitude polêmica do estúdio, decidiu se manifestar.

Diretor de “Batgirl” exalta Brendan Fraser após o Festival de Veneza

O astro Brendan Fraser marcou toda uma geração ao protagonizar A Múmia, mas passou muito tempo afastado dos holofotes após alguns problemas nos bastidores de Hollywood. Agora, o ator tem voltado com tudo à atuação, integrando o elenco de Patrulha do Destino da DC, e também estrelando o aclamado filme The Wale (“A Baleia” em

Dwayne Johnson exalta Brendan Fraser após ator ser ovacionado no Festival de Veneza

O astro Brendan Fraser foi ovacionado no Festival de Veneza no último domingo (4), onde seu mais novo filme, The Wale, foi exibido. O ator eternizado pela franquia A Múmia ficou anos afastado dos holofotes e agora retorna em grande estilo: Publicidade – OTZAds O ator Dwayne Johnson, que contracenou com Brendan Fraser já em

Batgirl| Brendan Fraser elogia Leslie Grace

Batgirl foi cancelado pela Warner Bros. Discovery em fase final de produção, o que gerou muita revolta nas redes sociais, mesmo o filme não sendo considerado um grande lançamento para o Universo Estendido da DC. Além da estreia da protagonista interpretada por Leslie Grace, o filme também traria o retorno do astro Brendan Fraser, eternizado

Publicidade - OTZAds

Batgirl| Steven Weintraub, do Collider, revela que filme seria uma grande decepção

O cancelamento de Batgirl em estágio de pós-produção pegou todo mundo de surpresa e, mesmo que não houvesse um grande hype em torno do filme de Adil El Arbi e Bilall Fallah, muitos internautas se perguntam se o filme é tão ruim a ponto da Warner Bros. Discovery assumir o prejuízo com orçamento para proteger

Carregando…

Ocorreu um erro. Atualize a página e/ou tente novamente.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: