Publicidade - OTZAds

She-Hulk| Roteirista explica mudança na origem da personagem para série

She-Hulk| Roteirista explica mudança na origem da personagem para série

A Marvel segue expandindo seu universo compartilhado para o Disney+ e seu mais novo lançamento na plataforma é She-Hulk:Defensora de Heróis, comédia estrelada por Tatiana Maslany e Mark Ruffalo que acompanha as origens de Jennifer Walters como heroína. Origem essa que foi alterada para a série.

Publicidade - OTZAds

Nos quadrinhos, Jennifer acaba se tornando a Mulher Hulk depois de receber uma transfusão de sangue de seu primo, Bruce Banner, o que acaba lhe concedendo as habilidades do Gigante Esmeralda. Mas na série, a transformação acontece quando os primos sofrem um acidente e Jennifer acaba tendo contato com o sangue de Bruce, sem nenhuma transfusão. Segundo a roteirista Jessica Gao, a mudança foi feita porque Bruce Banner doar seu sangue à prima não faz muito sentido:

Publicidade - OTZAds

“Para mim, essa origem não soava verdadeira para o Bruce Banner que conhecemos. Nós o observamos ao longo de uma década, e ele lutava contra isso. Ele era atormentado. Ele via como uma maldição. Ele levou uma década para chegar a um ponto de equilíbrio e aceitação. Ele não via isso como uma coisa boa. Ele nem mesmo podia ter relacionamentos românticos. Eu simplesmente não consigo imaginar Bruce dando voluntariamente o que ele, por anos, viu como uma maldição.”

O primeiro episódio de She-Hulk já está disponível no Disney+ e novos capítulos serão lançados todas as quintas no streaming. A série é descrita como uma comédia jurídica de meia hora centrada em Jennifer Walters e também conta com o retorno de Charlie Cox como Demolidor.

Publicidade - OTZAds

Um comentário em “She-Hulk| Roteirista explica mudança na origem da personagem para série

  1. Que argumento besta imbecil é ridículo próprio de um indivíduo ignorante e que não entende nem respeita nada de quadrinhos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: