Publicidade - OTZAds

Jim Carrey detona Will Smith por agressão no Oscar 2022: “Deveria ter sido preso”

Anúncios

POR ADAILTON MORAES

A polêmica atitude de Will Smith no Oscar 2022 continua rendendo discussão e mais um grande astro de Hollywood decidiu dar sua opinião. Jim Carrey concedeu uma entrevista ao CBS Morning e aproveitou o espaço para repudiar a agressão do colega de profissão contra Chris Rock. Em dado momento a apresentadora da atração, Gayle King, comentava sobre Chris ter optado por não prestar queixa contra Will e questionou Carrey sobre se o agressor deveria ter sido preso, ao que respondeu: “Ele deveria.”

Publicidade - OTZAds

O ator foi mais a fundo e comentou o que faria caso estivesse no lugar de Chris Rock:

Publicidade - OTZAds

“Ele [Chris Rock] não quis ter o trabalho. Eu teria avisado pela manhã que iria processar o Will em 200 milhões de dólares porque aquele vídeo existirá para sempre e será onipresente. Esse insulto irá durar por muito tempo. Se você quiser pode gritar algo da plateia ou mostrar que não gostou no Twitter, mas você não tem o direito de subir no palco e bater no rosto de alguém porque a pessoa disse palavras.”

Anúncios

Jim Carrey continuou comentando sobre o momento pessoal que Will tem passado e como ele foi egoísta ao se deixar levar pela emoção e descarregar a pressão sobre Chris Rock diante de todo o mundo, ofuscando o brilho da premiação:

“Aquilo surgiu do nada porque Will tem algo acontecendo dentro dele que é muito frustante. Eu desejo o melhor para ele, de verdade. Não tenho nada contra Will Smith, ele já fez coisas incríveis. Mas aquele não foi um bom momento. Você joga um pano sobre um momento especial para todos. Muitas pessoas trabalharam muito para estar ali. E ter o momento de brilhar delas, de receber um prêmio pelo trabalho que fizeram – e não é um trabalho fácil conseguir ser indicado a um Oscar, é preciso muita devoção… Foi um momento muito egoísta que encobriu todo o resto.”

Para terminar, Carrey verbalizou todo o seu descontentamento com a postura de Hollywood diante da premiação de Will Smith como Melhor Ator momentos depois da agressão:

Publicidade - OTZAds

“Me senti enojado pela plateia aplaudindo ele de pé. Hollywood não tem escrúpulos e tive a sensação que foi uma indicação clara de que não somos mais um clube legal”

Anúncios

Will Smith agrediu Chris Rock quando ele fez uma piada sobre a aparência de Jada Smith, que precisou raspar a cabeça por sofrer de alopecia, condição que causa a queda excessiva de cabelos. Vale lembrar que Will compartilhou uma carta aberta pedindo desculpas a Chris Rock e à Academia pelo ocorrido.

Deixe uma resposta