Publicidade - OTZAds

Marvel demite brasileiro Joe Bennett após declaração de apoio a Bolsonaro

Marvel demite brasileiro Joe Bennett após declaração de apoio a Bolsonaro
Anúncios

POR ADAILTON MORAES

Conhecido por seu trabalho em Immortal Hulk, o ilustrador brasileiro Joe Bennett foi definitivamente desligado da Marvel Comics após supostas declarações transfóbicas e agressivas, além de uma ilustração polêmica em apoio ao Presidente Jair Bolsonaro recentemente divulgada nas redes sociais. Bennett estava envolvido no próximo evento da Marvel nos quadrinhos, intitulado Timeless, que foi anunciado um mês atrás; porém a editora afirmou ao Newsarama que ele não só foi desligado do projeto como também não voltará a trabalhar com ele em “nenhum projeto futuro”.

Publicidade - OTZAds
Anúncios

Não foram reveladas as razões para a demissão repentina entre a editora e o artista, mas a decisão vem à tona poucos dias depois de uma declaração polêmica de AI Ewing, parceiro de Joe Bennett em “Hulk Imortal”. No dia 2 de setembro, Ewing, que roteirizou a saga do Gigante Esmeralda, usou sua conta no Twitter para denunciar o comportamento do ilustrador brasileiro nos bastidores, inclusive sua posição política, sendo Bennett um apoiador declarado de Bolsonaro. Ainda segundo AI Ewing, ele se recusa a trabalhar com Joe novamente, mesmo que isso pudesse fechar algumas portas para ele no futuro. O roteirista também lembrou a polêmica ilustração feita por Joe Bennett retratando o Presidente Jair Bolsonaro sobre um cavalo pisoteando opositores políticos representados como ratos.

Publicidade - OTZAds

Também em 2021, Joe Bennett se envolveu em outra polêmica, isso porque a edição #43 de Immortal Hulk supostamente continha elementos antissemitas. Na ocasião, tanto Joe quanto a própria Marvel Comics se desculparam pela arte publicamente.

Mas não é só isso, há algum tempo Joe Bennett foi acusado de aplaudir o ataque contra o jornalista Gleen Greenwald durante a exibição do programa de rádio Pânico. Duramente criticado por sua postura, o artista prontamente apagou todos os seus comentários a respeito e pediu desculpas ao jornalista e à sua família. Somando tudo isso, embora não haja confirmação por parte da Marvel Comics, terminou no rompimento da parceria que vinha desde 1994, que teve sucessos como The Amazing Spiderman, Capitão América e Quarteto Fantástico, além da elogiada Immortal Hulk.

Publicidade - OTZAds
Anúncios

Greg Land, de Aves de Rapina e X-Men, assumirá o posto do brasileiro na revista Timeless, que deve moldar a narrativa do Universo Marvel para 2022. Mas enfim, o que você acha sobre todo essa caso envolvendo o ilustrador brasileiro? Deixe sua opinião nos comentários.

4 comentários sobre “Marvel demite brasileiro Joe Bennett após declaração de apoio a Bolsonaro

  1. Corretíssima a postura da Marvel, grande editora, sempre nos mostrando heróis lutando contra tiranos e esse ex-funcionário apoiando um tirano…
    Parabéns

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: