Publicidade - OTZAds

Resident Evil: Welcome to Raccoon City| Diretor do reboot garante mais fidelidade aos games

Anúncios

POR ADAILTON MORAES

Resident Evil é uma das franquias mais populares do universo dos games, principalmente quando se trata de histórias envolvendo terror e zumbis. O sucesso é tanto que a franquia já ganhou uma série de filmes para os cinemas, todos estrelado por Milla Jovovich, que deu vida à inesquecível Alice. Como bem sabemos, a franquia de filmes dos anos 2000 não se apegou à fidelidade ao material fonte, algo que incomodou os fãs dos jogos, mas ainda assim fez bastante sucesso, tanto que garantiu seis filmes. Agora, o T-Vírus será novamente levado às telonas em uma nova adaptação cercada de promessas de mais fidelidade aos personagens e à mitologia dos jogos.

Publicidade - OTZAds

Recentemente, as primeiras imagens de Resident Evil: Welcome to Raccoon City foram divulgadas através do IGN, revelando os visuais de Avan Jogia como Leon, Kaya Scodelario como Claire, Robbie Amell como Chris, Hannah John-Kamen como Jill, Tom Hopper como Albert, Nathan Dales como Brad e Marina Mazepa como Lisa Trevor:

Publicidade - OTZAds
Anúncios

As primeiras imagens dividiram opiniões no quesito fidelidade, mas ainda assim, o diretor Johannes Roberts revelou ao IGN que a nova adaptação será mais fiel aos jogos da franquia, contando com muito mais suspense e terror que a saga estrelada por Milla Jovovich. Roberts também destacou que a fidelidade visual não sobrepõe à narrativa de cada personagem:

“A diferença com este filme em relação aos filmes anteriores é que é um conjunto onde cada personagem carrega enorme importância para a narrativa. Eles não são apenas personagens cosplay que têm o cabelo exato e o figurino dos personagens. Foi extremamente importante com todo o processo de casting encontrar pessoas que incorporassem o espírito e a energia dos personagens que eu queria retratar.”

O diretor também comentou a má fama das adaptações de jogos para os cinemas, que são conhecidas por não serem fiéis e unicamente se aproveitar da fama dos personagens e franquias:

Anúncios

“Eu acho que muitas vezes nas adaptações de jogos umas das grandes falhas pode ser apenas lançar alguém que se pareça visualmente com o personagem… mas não realmente tentando dar ao público a coisa que um filme faz melhor que um jogo: criar um personagem tridimensional com o qual você possa realmente se conectar.”

Vale ressaltar que em breve Resident Evil também ganhará uma série live-action desenvolvida pela Netflix, também sob a promessa de fidelidade ao material original. Quanto ao filme, a estreia está anunciada para 9 de setembro e em breve deve ser divulgado um trailer de “Welcome to Raccoon City”.

Publicidade - OTZAds

Como estão as suas expectativas para o reboot de Resident Evil nos cinemas? Deixe sua resposta nos comentários.

Deixe uma resposta