Publicidade - OTZAds

Loading| Barbara Gutierrez rasga o verbo e revela absurdos nos bastidores do canal

O fim do Loading partiu o coração de grande parte da comunidade geek, mas também gerou revolta pela falta de consideração que os executivos do canal teriam tido para com o quadro de mais de sessenta funcionários demitidos. E agora as coisas ficaram ainda mais tensas com as recentes revelações da ex-apresentadora da emissora Barbara Gutierrez, que entre alguns absurdos, afirmou ter ouvido em reunião que deveria “ver o estupro como algo positivo”.

Publicidade - OTZAds
Anúncios

Barbara revelou no novo episódio do COMBO podcast diversas situações controversas vividas durante o tempo que ficou contratada na Loading. A apresentadora revela que jamais assinou um contrato de imagem e que nunca teve liberdade editorial, sendo inclusive proibida de repercutir notícias negativas sobre a Vivo Keyd, Riot Games e o time de eSports da Kalunga. Mas isso não é o pior, ela também afirmou que foi obrigada a trabalhar após sofrer um assalto e que chegou a ouvir absurdos em uma reunião.

Publicidade - OTZAds

“Em uma reunião eu ouvi os maiores absurdos, inclusive que deveríamos olhar o estupro como algo positivo… Eu pensei que era o momento de sair.”

Anúncios

O canal Loading encerrou todas as produções inéditas e demitiu todo o quadro de funcionários. O motivo seria a desistência da principal patrocinadora da emissora, as Lojas Kalunga, mas até agora nenhum executivo do canal trouxe maiores detalhes sobre o encerramento das atividades.

Publicidade - OTZAds

Deixe uma resposta