Liga da Justiça| Joss Whedon responde acusações de Ray Fisher

Liga da Justiça| Joss Whedon responde acusações de Ray Fisher

Não é de hoje que estamos acompanhando o astro Ray Fisher rasgar o verbo contra o diretor Joss Whedon, com quem trabalhou nas refilmagens de Liga da Justiça após o afastamento de Zack Snyder. Fisher acusou Whedon de ter uma postura abusiva no set de filmagens do longa e desde então não parou mais, revelando detalhes do que aconteceu por trás das câmeras. Contudo, o acusado, Joss Whedon, sempre se conservou em silêncio e ainda não havia respondido as denúncias publicamente… até agora…

ADQUIRA O SEU PLAYSTATION 5 NO SITE MAGALU

A coisa mudou de figura agora porque recentemente Ray Fisher decidiu explicar com mais detalhes as motivações para denunciar o comportamento de Joss Whedon como diretor, chegando inclusive a acusá-lo de racismo ao afirmar que atores negros e asiáticos foram afastados da produção simplesmente por conta da etnia. Fisher também afirmou que um dos maiores motivos que o fez decidir enfrentar a questão e falar foi quando soube que Whedon teria mudado digitalmente a cor de pele de um dos atores na pós-produção do filme.

Depois das acusações terem se agravado, Joss Whedon decidiu rebatê-las publicamente através de um porta-voz que falou ao CinemaBlend:

“O indivíduo que fez essa declaração reconhece que isto foi apenas algo que escutou de outra pessoa e aceitou como verdade, quando, na realidade, uma simples pesquisa provaria que isto é falso. Como é normal em quase todos os filmes, haviam várias pessoas envolvidas no processo de finalização desse filme, incluindo o editor, pessoa dos efeitos especiais, compositor, etc, como um colorista senior responsável pelo tom, cor e humor da versão final.”

A fonte ainda revela que a recoloração foi mais difícil porque a versão de Zack Snyder para “Liga da Justiça” foi filmada em locais abertos ou cenários grandiosos e bem iluminados, enquantos as refilmagens promovidas pela Warner Bros. e dirigidas por Joss Whedon foram filmadas digitalmente. O trabalho do colorista, então, teria sido aproximar o tom e as cores das duas versões para que houvesse um casamento entre o corte original e o corte de cinema.

Mas e você, acredita na justificativa de Joss Whedon ou Ray Fisher está certo e realmente houve uma discriminação racial nos bastidores de “Liga da Justiça”? Deixe sua opinião nos comentários.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s