Alan Moore critica “Coringa” e demais filmes de heróis

Alan Moore critica “Coringa” e demais filmes de heróis

Mais uma vez, Alan Moore, a lenda dos quadrinhos e autor de obras como “Watchmen”, “A Liga Extraordinária” e “Piada Mortal”, atacou a atual fase do mercado cinematográfico baseado nas hqs de super-heróis e também se mostrou insatisfeito com o recente Coringa (2019), protagonizado por Joaquim Phoenix e dirigido por Todd Phillips.

“Eu não assisto nenhum. Todos esses personagens foram roubados de seus criadores, todos. Eles têm uma longa fila de fantasmas atrás deles. No caso da Marvel, Jack Kirby.”

Moore destacou que a onda de transformar essas histórias que foram idealizadas para crianças e destiná-las a um público mais adulto é “grotesco” e preocupante. Ele usou a aventura solo e dramática do Coringa para exemplificar:

“Esses personagens foram coisas criadas nos anos 1930 para entreter crianças. Se você tenta fazê-las para o mundo adulto, fica grotesco. Vários anos atrás, eu falei que era preocupante ver centenas de milhares de adultos fazendo fila para ver personagens criados há 50 anos para crianças de 12 anos.”

O quadrinista também elogiou a série do Batman dos anos 90 e afirmou que Adam West trouxe a melhor versão live-action do Homem Morcego pela forma como a trama se desenrolava sem levar na a sério.

Mas e você, concorda com Alan Moore? Deixe sua opinião nos comentários.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s