Publicidade - OTZAds

Chadwick Boseman cortou o próprio salário para aumentar o de Sienna Miller

Chadwick Boseman cortou o próprio salário para aumentar o de Sienna Miller

A nova edição da revista Empire homenageia o astro Chadwick Boseman, que nos deixou recentemente vítima de um câncer de cólon, e reúne depoimentos de diversos colegas que trabalharam ao lado do protagonista da franquia Pantera Negra, entre eles a atriz Sienna Miller.

Publicidade - OTZAds

Sienna atuou ao lado de Chadwick no filme Crime sem Saída de 2019 e acabou revelando em seu depoimento que o ator, que atuava também como produtor do longa, abriu mão de parte de seu salário pela produção para que ela tivesse um pagamento mais justo:

Publicidade - OTZAds

“Eu não sabia se contava ou não essa história, e ainda não tenho certeza. Mas vou contar, porque acho que é uma prova de quem ele era. Este foi um filme de orçamento muito grande, e eu sei que todo mundo entende a disparidade salarial em Hollywood, mas pedi um valor que o estúdio não iria conseguir atender. E porque eu estava hesitante em voltar ao trabalho e também minha filha estava começando a estudar, era realmente um momento inconveniente, aí eu disse: ‘Eu farei isso se for recompensada da maneira certa.’ E Chadwick acabou doando parte de seu salário para atender ao valor que eu havia pedido.”

A atriz também destacou que a atitude de Boseman foi surpreendente e totalmente incomum na indústria cinematográfica de Hollywood, onde muitas vezes homens recebem mais que as mulheres mesmo atuando na mesma função:

Publicidade - OTZAds

“Foi a coisa mais surpreendente que já experimentei. Esse tipo de coisa simplesmente não acontece. Ele disse: ‘Você está recebendo o que merece e o que vale.’ É simplesmente incompreensível imaginar outro homem em Hollywood se comportando tão graciosamente ou com tanto respeito. Depois disso, contei essa história a outros atores homens e todos eles ficaram muito silenciosos, provavelmente voltando para casa e refletindo sobre as coisas por um tempo. Mas não houve exibicionismo da parte de Chadwick, foi apenas ‘Claro que vou te dar esse salário, porque é isso que você deve receber.’”

Anúncios

Chadwick Boseman morreu em agosto desse anos após travar uma verdadeira guerra contra o câncer durante quatro longos anos em total sigilo, se desdobrando entre as sessões de quimioterapia e as gravações trabalhosas de suas participações no Universo Cinematográfico da Marvel, além de outros projetos. As declarações de Sienna Miller apenas reforçam relatos a respeito da generosidade, caráter e gentileza de Boseman, que era um verdadeiro herói mesmo além das câmeras.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: